Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

TEXTOS EM PROSA

Textos pessoais em prosa, citações de livros, letras de músicas, vídeos especialmente de "dance- music", comentários a certo tipo de imprensa etc.

TEXTOS EM PROSA

Textos pessoais em prosa, citações de livros, letras de músicas, vídeos especialmente de "dance- music", comentários a certo tipo de imprensa etc.

Raul Pompéia - Ateneu

RAUL D'ÁVILA POMPEIA nasceu a 12 de abril de 1863 em Jacuacanga, Angra dos Reis, Estado do Rio de Janeiro, e faleceu a 25 de dezembro de 1895 no Rio de Janeiro.

(...) Na ocasião em que me ia embora, estavam acendendo luzes variadas de Bengala diante da casa. O Ateneu, quarenta janelas, resplendentes do gás interior, dava-se ares de encantamento com a iluminação de fora. Erigia-se na escuridão da noite, como imensa muralha de coral flamante,(...) 

Joseph Heller - Pânico

- Escutem -, digo amistosamente a ambos, precisamente a suplicar-lhes que me permitam ajudá-los. - Que querem vocês ser quando forem crescidos? Digam lá, Que querem fazer?
- Eu não quero casar, nunca - murmura taciturnamente a minha filha -, nem ter filhos.
- Trabalhar numa bomba de gasolina -, responde o meu filho.
- Bem sempre é um pouco melhor -, aprovo acenando a cabeça com uma expressão de louvor. Por que não? Ser dono do seu próprio negócio? Faz um certo sentido. Concessão lucrativa: Exxon , Texaco , Sunoco,Shell , Gulf ? Com certeza. É alguma coisa. Um começo. Muito bem. - Porquê?
- Gosto do cheiro da gasolina.
Meu Deus!
- Jack , você tem filhos.- , apelo para Green , no emprego quase em desespero. - São mais velhos que os meus. Tem um rapaz na universidade, não tem? Que quer ele ser quando sair?
- Suicida
- Não estou a gozar.
- E pensa que eu estou? Também tenho uma filha na universidade . Faz abortos. Entre tentativas de suicídio. Vai para a cama com vagabundos. Não querem continuar. Com ambos somados, já é a terceira tentativa. Disso sei eu. Uma com uma faca e duas com drogas. Até parece  o Paul Revere , não parece? Ambos se drogam. A minha nova mulher também é doida. E a mãe deles também. E a minha. Já não é nada da minha conta
- Desculpe, não sabia.
- Vá fazer qualquer coisa. Também não é da sua conta.

Pags. !52-153, Publicações Dom Quixote.

Jack Kerouac - Pela Estrada Fora

(...) - Já reparaste, Sal, que as prateleiras que eles fazem actualmente abrem rachas sob o peso de bricabraque, ao fim de seis meses, ou desabam de uma maneira geral? Acontece a mesma coisa com as casas, a mesma coisa com as roupas.Estes sacanas inventaram as matérias plásticas com que podiam construir casas que durassem eternamente. E pneus. Os americanos matam-se aos milhares todos os anos por causa de pneus de borracha defeituosos que aquecem na estrada e rebentam. Podiam fabricar pneus que não rebentassem. Passa-se a mesma coisa com o pó dentífrico. Há uma certa goma, que eles inventaram e não mostram a ninguém, que se a mascarmos em miúdos, nem uma cárie temos até ao fim da vida. E a mesma coisa com as roupas. Podem fabricar roupa que dura para sempre. Preferem fabricar artigos ordinários por forma a que toda a gente seja obrigada a continuar a trabalhar e a picar relógios de ponto e a organizar-se em sindicatos sinistros e a debater-se com dificuldade enquanto o grande saque prossegue em Washinton e Moscovo.(...) 

Pag. 173, Colecção Mil Folhas - Público. 

(...) Quando uma pessoa morre, sofre uma mutação cerebral sobre a qual nada sabemos actualmente, mas que um dia será perfeitamente inteligível, caso os cientistas se empenhem mais nisso. Os sacanas, pesentemente, só estão interessados em saber se conseguem mandar o mundo pelos ares.(...)

Ibidem pag. 178  

sonhar alto...


... ou será que a Bwin Liga da próxima época terá um campeão da forma do costume e outro campeão limpo ( embora o SLB contrarie a máxima: depressa «muitos» e bem «limpos» não há quem?

PALAS


As monolíticas biclubistas primeiras páginas dos jornais " A Bola " e " Record " são iguais às palas que se colocam no focinho das bestas quando puxam carroças...

Orishas, Naci Orishas



Nací Orishas

Orishas

Composição: Indisponível

Yo nací Orishas en el underground, oye si de cayo hueso si tu bare.
Yo nací Orishas en el underground, oye si de cayo hueso si tu bare.
Yo nací Orishas en el underground, oye si de cayo hueso si tu bare.

El negocio no esta fácil queda poco pa' inventar
Pa encontrar la melodía tienes que ser natural,
Partir siempre de lejos cantar como el primero.
Al que nace con su gracia nadie se la va a quitar,
Los Orishas si confían en lo que siempre te dan
Cada cual su dilema
Cada loco con su tema

Estribillo

Hijo de Chango yo
Traigo rima flow
Vengo con mi son
Cayo dile yo
Dejo rumba son con fonky fonky
Mano pa' arriba la locas del jumpy
Vamos a ver si te engancha esta
Marcha como una plancha,
Pa' escacharte como un chingón cuando
Te coja el batallón, negron
El vedado, vedado, barrio que le canto
Con los niches a mi lado, estos que lo
Hacen no son negros improvisados,
Vedado, vedado cuidado.

Para el que dice que el son me lo han robado.
Para el que dice que el son me lo han robado.

Estribillo

Nos sentimos happy para partirte como en lápiz.
Oíste socio, te pongo boca arriba este negocio,
Del 97 vengo a filo de machete y ese que dijo que esto lleva.....
Ya analizaremos ese insulto, por eso perrucho se puso como se puso,
tu sabes lo que lucho día a día pa' poner la cubanía,
Al flow que tu querías

Al que nace con su gracia nadie se la va a quitar,
Los Orishas si confían en lo que siempre te dan
Cada cual con su dilema
Cada uno con su tema

Estribillo

Con los que dicen que cantan yo quiero cantar, solicito.
Para los que dicen que el son me lo han robado.
Los soneros de mi Cuba no se pueden olvidar.
Vistes que buenos son
Hay pero vistes
En cada solar de cuba sigue el son bien agarrado.
Con los que dicen que canta yo quiero cantar, solicito

Unidade Brio Vontade


A cerrada discriminação em relação ao FC Porto, esquizofrenicamente levada a cabo pelos responsáveis dos grandes jornais "desportivos" da capital, terá forçosamente que incutir no íntimo dos jogadores deste clube um profundo espírito de unidade, um apurado brio profissional e uma indómita vontade de vencer, para que, por um lado,  os indignos profissionais da comunicação social ao serviço destes dois jornais não tenham muitas oportunidades de os achincalhar, como quando o clube do dragão foi afastado da Taça de Portugal pelo Atlético, e, por outro, sejam  obrigados, rompendo-lhes as entranhas antiportistas , a dar o incontornável realce às conquistas alcançadas pelo FC Porto... 

O PRÓXIMO

TInha eu 14 anos, quando me dirigi à loja de fazendas do sr. Fialho (homem muito católico que participava em todas as procisões de opa vermelha) e perguntei se se encontrava ali uma certa amostra de fazenda, uma vez que era neste estabelecimento que o caixeiro viajante da casa Monteiro, residente na cidade de  Setúbal, tinha o seu quartel general. O devoto sr . Fialho disse-me que a dita amostra não estava lá, obrigando-me, assim, a calcorrear a baixa da cidade durante toda a manhã à procura do s. Baptista, assim se chamava o caixeiro viajante, o qual, quando finalmente o descobri, se encaminhou para a loja do sr . Fialho, onde a amostra afinal se encontrava: fiquei a saber que para o cristão sr. Fialho eu não era o "PRÓXIMO".
Há cerca de três quatro dias, armando-me em papagaio, meti conversa com 3 elders daquela igreja dos últimos dias; após ter mostrado, pelo menos aparentemente, mais conhecimentos de certos aspectos desta igreja do que os próprios elders e quando só me faltava dizer que os meus conhecimentos advinham da leitura dos "ENSINAMENTOS DO PRIMEIRO PRESIDENTE JOSEPH F. SMITH", reparei que um deles me estendia a mão em sinal de despedida,enquanto um outro me dizia que gostava do meu boné, ou seja, também para estes elders da Igreja de Jesus dos Santos dos Últimos dias não sou o "PRÓXIMO".
Vem este arrazoado a propósito de ter visto, hoje, o cristão adventista que, em 2004, me ofereceu, poucos meses antes de ir viver para o Brasil, uma Bíblia.
Sempre que eu chegava ao Parque do Bonfim, em Setúbal, local onde ele se me dirigiu pela primeira vez e a partir da qual ficámos conhecidos, parecia-me que o fulano fingia não me ver na tentiva de passar despercebido, mas como me havia convidado a visitar a sua igreja e até mesmo a ir a sua casa, convites que declinei, concluí que se tratava de mania da perseguição da minha parte.Quando, poucos dias antes de partir para o Brasil, me avistou na Praça do Bocage, na mesma cidade, e julgando que eu ainda não o tinha visto ou não se importando sequer com isso, ficou atrapalhado, hesitou um momento e meteu-se por uma travessa fugindo autenticamente de mim: fiquei a saber que também para este cristão adventista não sou o "PRÓXIMO".

" E eis que uma mulher cananeia que saíra daquelas cercanias, chamou, dizendo:Senhor, Filho de David, tem misericórdia de mim, que minha filha está endemoninhada.

Mas Ele não lhe respondeu palavra. E os seus discípulos, chegando ao pé Dele, rogaram-lhe, dizendo: Despede-a, que vem gritando atrás de nós.

E Ele respondendo, disse: Eu não fui enviado senão às ovelhas perdidas da casa de Israel."
Mateus, 15, 22-24.
Dizem os católicos que as seitas religiosas não têm a tradição apostólica, contudo parece visível que todos estes supérfluos mensageiros do Omnisciente, Omnipotente e Omnipresente beberam da mesma água...

Pág. 1/4